Steve Ballmer declarou, na quinta-feira:

Adoraríamos fazer o mesmo tipo de cordo com qualquer um que distribua Linux. Red-Hat, qualquer um.

Ou seja: Os fãs que estão apavorados, iniciando campanhas irresponsáveis sugerindo que os usuários abandonem o SUSE, não terão para onde correr.

O mercado quer o Linux, mas somente se este for um produto profissional, e isso envolve mais do que código decente. Envolve credibilidade, suporte, estabilidade enquanto empresa.

Os analistas prevêem um excelente futuro para o Linux no mercado corporativo, ironicamente o principal parceiro será a Microsoft.

Ballmer termina a entrevista, declarando:

A próxima fronteira para nós é aotar um novo modelo de negócios. Se o adotarmos corretamente, e esse modelo é o de assinaturas e publicidade, seremos um líder de mercado. Se não p adotarmos corretamente, haverá problemas.

Meio Bit

Anúncios
  1. Lourenzo

    Olá!
    Gostei deste post, e me intrigou a idéia da Microsoft apoiando o Linux…
    A última campanha da microsoft envolvendo Linux de que me lembro era uma desesperada tentativa de mostrar que Windows 2k3 seria mais estável e confiável que Linux…

    Qual seria o caminho percorrido pela microsoft até chegar no ponto de maturar alguma idéia de cooperação com o software livre?

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: