para Maria Regina
Se a vida é um processo
novelo desenrolando
nesse fio contínuo sigo,
estarei sempre te amando,

Se a vida é um instante
de um eterno momento sendo
num infinito presente estando,
estou sempre te amando.

Se a vida é um fluxo,
em descontínuo fluido,
interrompido e incerto pulso,
estive sempre te amando.

Se a vida é nada,
ilusão inútil,
sem passado, presente ou futuro,
então te amo,
e pronto,
é tudo!

Luiz Algarra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: