Saiba: todo mundo foi neném
Einstein, Freud e Platão também
Hitler, Bush e Sadam Hussein
Quem tem grana e quem não tem

Saiba: todo mundo teve infância
Maomé já foi criança
Arquimedes, Buda, Galileu
e também você e eu

Saiba: todo mundo teve medo
Mesmo que seja segredo
Nietzsche e Simone de Beauvoir
Fernandinho Beira-Mar

Saiba: todo mundo vai morrer
Presidente, general ou rei
Anglo-saxão ou muçulmano
Todo e qualquer ser humano

Saiba: todo mundo teve pai
Quem já foi e quem ainda vai
Lao Tsé Moisés Ramsés Pelé
Ghandi, Mike Tyson, Salomé

Saiba: todo mundo teve mãe
Índios, africanos e alemães
Nero, Che Guevara, Pinochet
e também eu e você

=====

Todo ser humano vivo foi cuidado por algum outro ser humano. Nascemos na confiança biológica de sermos cuidados. O cuidado é constitutivo do vier humano e a convivência surge como recursividade deste cuidar de si no cuidar de alguém.

Este é um fundamento da nossa espécie, um fundamento que podemos chamar de amor. Não o sentimento ou a emoção do amor mas sim o amar enquanto base fundadora do modo de ser humano.

Toda dor, todo sofrimento, toda conduta que humana que não conserva a vida surge a partir de uma traição cultural a este princípio do amar. Estas traições ocorrem nas configurações relacionais pautadas pelas exigências de uma sociedade patriarcal/matriarcal que se conserva desde a seis mil anos quando, historicamente, a guerra surgiu como meio de vida para diversos povos do planeta terra.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: